A utopia do carnaval sem fim

Novo livro de Bernardo Almeida na praça, seguindo o sucesso de Arresto e O Vencedor Está Morto (seus livros anteriores já citados aqui, no Blog do Brown). A utopia do carnaval sem fim foi publicado pela Editora Penalux (São Paulo/Brasil), em outubro de 2020. E teve repercussão no VI Congresso Internacional sobre Culturas, evento promovido pela Rede de Universidades dedicadas ao estudo das culturas, realizado de 18 a 20 de novembro, em edição on-line.

Fernando Andrade, jornalista e crítico de literatura, afirma que o livro de poemas A utopia do carnaval sem fim embaralha as explosões rítmicas do poema em temas sociais e políticos. Leia todo o comentário feito por Fernando Andrade:

Penso num homem bomba não terrorista que carregue a palavra poética como missão possível, míssil que cruze front eiras sobre o poder não da ordem, e sim do efeito estético de muitos sentidos figurados, imagens que desfaçam o núcleo beligerante do autoritarismo.
A palavra conceito pode também servir como praça ágora de uma filosofia que tenha não tanto a política como afronta -front, mas sim, a música no seu formato de trova, provação através da melodia aforística, quebrando formas, moldes de engessar tudo. O carnaval; forma híbrida de adereços, espaços multiformes, sons e ritmos, prosódia de um enredo sobre a face crítica da realidade de nosso meio é mensagem.
Neste olhar sobre o brincar de atuar sobre as coisas que o livro A utopia do carnaval sem fim, do poeta Bernardo Almeida, pela editora penalux, atravessa o panorama distorcido de uma mentalidade de fazer a guerra através de intenções, ações e palavras. O poeta, num efeito condensador na maioria das vezes, cria jogos de palavras que se interpenetram em suas malhas de significações, priorizando o ritmo, e as assonâncias, que aumentam o síntese da explosão estética do poema.
Aqui a relação entre paradoxos e contrastes com um jogo de claro e escuro, não torna nada maniqueísta, muito pelo contrário. São quase antíteses vindas das sínteses numa dança dialética sobre o movimento das sociedades, que estão ora em conservação, ora em mudança.

Veja também o que disse o escritor francês Athanase Vantchev de Thracy, antes do lançamento do livro. Foi um dos últimos trabalhos de Athanase, falecido em 30 de setembro de 2020:

Um gênero quase aforístico, em seus breves poemas. Uma ramificação poética que combina elegância realista, crueldade e filosofia da existência. E, finalmente, poemas-narrativas, que nos apresentam destinos ou fatias de vida de personagens astutos, em luta contra uma sina oposta. Nesses longos discursos poéticos, às vezes, confissões em várias partes, Almeida desenvolve e expõe um conjunto de sensações ricas e difíceis de definir – como evidencia a extensa série de palavras ou qualificadores, que busca transformar o todo em profusão, localizando-o o mais próximo possível de si. Além de especificar ou enriquecer o pensamento, essas acumulações também têm um valor estilístico. Elas combinam a concisão dos versos e o florescimento das assonâncias, numa poesia oral, numa sucessão de ladainhas que estão profundamente enraizadas no espírito – e se estabelecem lá, como um incentivo para entender a dureza e a complexidade de um mundo irredutível, onde o amor é uma luta. E, como toda filosofia se baseia na vida, Almeida apresenta a realidade dos humildes, humilhados e ofendidos, com os quais ele se encontra – e cuja concepção de existência ele revela. [Por Athanase Vantchev de Thracy]

No YouTube:

O livro está à venda está à venda em alguns sites:

Amazon

Lojas Americanas

Estante Virtual

Submarino

Loja Um Livro

Shopee

Informações recentes dos livros de Bernardo Almeida

Lançada a edição francesa de Arrestation, de Bernardo Almeida: Une poésie de feu brûlée par le soleil

Edição francesa de Arresto

Le Brésil, peu de gens le savent, est une terre de poésie, et de poésie souvent fort progressiste tant par les idées que par l’aspect formel. Entre chaque état de ce pays-continent, c’est souvent une concurrence à qui saura exprimer l’idée la plus forte dans la forme la plus originale, et avec les mots-images les plus surprenants et les plus vrais à la fois.

Amazon


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s