Foi-se o último argumento de quem insiste em não ver a realidade no Brasil

A vaca tossiu 2Por que a vaca tossiu? Clique aqui e entenda

A realidade brasileira pode ser vista, interpretada e falada de várias formas atualmente, algumas pessoas, porém, têm sérias dificuldades em perceber o óbvio:
Quem não consegue falar por si e é apenas mais uma voz coletiva de um partido
Quem não pode nem ver nem falar por conveniência
Quem se deixou fanatizar e hoje é um ser vivente que apenas segue o rebanho de fanáticos
E qual é o óbvio?
É um país governado por uma presidente e um partido que fizeram toda a campanha incitando o medo da perda do que foi conquistado e ao chegarem ao novo mandato (segundo da presidente, quarto do partido) fizeram exatamente o que diziam que seus adversários fariam.
É um país em que o povo percebeu o quanto foi enganado e como a conta subiu.
É um país em que funcionários de alto escalão, empreiteiros milionários e políticos enriquecidos sem ética e moral roubam empresas e instituições consideradas marcas da Nação. A corrupção virou a regra entre esses personagens.
É um país em que trabalhadores sofrem com o Imposto de Renda e se desdobram para pagar dois quintos do que ganham ao governo e diariamente veem a corrupção fazer novos ricos e tornar bilionários os milionários de ontem.
O que poderia acontecer? Milhões de pessoas – ricas, pobres, remediadas, negras, brancas – nas ruas de todo o Brasil. A maior manifestação jamais vista na História do Brasil. Sem direcionamento político, por isso mesmo mais interessante, e a gritar que trabalhadores honestos não aguentam mais a corrupção, as mentiras, o toma-lá-dá-cá no qual só o povo perde.
E isto acabou com o último argumento de pessoas de bem, mas amarradas pelo que inicia esse texto; de intelectuais e intelectualóides boçais que querem manter sua “boquinha” nesse caos; e das vaquinhas de presépio que seguem docilmente a voz do pastor.
Diziam que só ricos e brancos protestavam contra o PT, agora ficou bem claro que não é assim há tempos. Semana passada, Juca Kfouri escreveu: “O panelaço da barriga cheia e do ódio”
Referia-se às manifestações em várias partes do País durante o pronunciamento da presidente Dilma na semana passada. Agora, com certeza, ele sabe que vai além disso.
Até João Pedro Stédile, coordenador do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST), vê o óbvio. Nas manifestações pró-governo patrocinadas pela CUT e o próprio governo, sexta-feira, 13, ele desafiou a presidente Dilma Rousseff a sair “do palácio” e “ouvir o povo”. Ele disse ainda que o ministro da Fazenda, Joaquim Levy, é um “infiltrado” no governo petista.
O domingo, 15 de março de 2015, é um marco na História do Brasil. Um recado alto para o partido que foi criado para ser diferente dos outros partidos, e hoje luta para convencer que todos os partidos são iguais, praticam os mesmo malfeitos.
O blog entende que Dilma Rousseff deve corrigir seus erros e conduzir seu governo, desde que seja transparente, não interfira no Judiciário e aja com a lei para mandar os corruptos para a cadeia, não importa quem sejam.
Abaixo, links de registros do marco histórico:
Protestos contra governo e corrupção reúnem 2 milhões pelo Brasil
Dilma precisa decidir se irá colocar em prática as promessas que vendeu nas eleições
Governo errou antes e depois dos protestos
Nos últimos dias, PT e Planalto tentaram desqualificar manifestações
Entrevista de ministros após os atos mostra discurso desafinado
Ministros Miguel Rosseto (à esquerda) e José Eduardo Cardozo - desafinados em relação aos protestos de 15-03-15
Ministros Miguel Rosseto (à esquerda) e José Eduardo Cardozo – desafinados em relação aos protestos de 15-03-15
Neste domingo, pouco importou o futebol… Quem fez o gol…Todos os brasileiros ganharam. Mostraram sua indignação contra os políticos corruptos que sugam este país…
Que país é esse - 15-03-15
As lições do dia em que o PT perdeu o controle das ruas e o povo insultou Lula como jamais o fizera
Frase do dia: “Meu governo não consegue falar com a sociedade, meu Deus” – Walter Pinheiro, senador do PT baiano

10 pensamentos sobre “Foi-se o último argumento de quem insiste em não ver a realidade no Brasil

  1. Oi Brown,

    Pior é que o partido era e foi criado para ser diferente. Ficou mais igual que os outros.
    Lembre que havia uma certa arrogância em ser – fazer – de parecer diferente. Como a mulher de César.
    Basta lembrar que Bete Mendes e outros (o alemão levou com ele os nomes, não lembro de nada,) foram expulsos por votarem em Tancredo no colégio eleitoral.
    E do outro lado estava Maluf, símbolo de uma época não apenas corrupta, mas também autoritária.
    Achei certo, com dúvidas martelando o juízo.
    O PT era diferente (nem vou lembrar que Maluf é hoje um companheirão, que Collor, responsável pela campanha mais indigna de que se tinha notíocia – lembra de Mírian Cordeiro indo no fígado e Lula??? -, das ameaças veladas no debate sobre o som que ele ganhara de presente, da Marilena Chauí, diziam,,…. que colocou o Lula nas cordas. Hoje nem responde sobre Rose Noronha e outras piranhas companheiras, passa num cinismo de doer.
    Lembra do PT que não assinou a Constituição, que me deixou em dúvida ainda maior (mas assinaram no escurinho de uma sala do Congresso, sem informar a ninguém).
    Lembra dos 300 picaretas que virou até hit pop? Hoje são 400, segundo Cid Gomes ministro da Pátria Educadora (brincadeira né. não?) e ele chegou a dizer que não tinha perfil para o cargo… Não o culpemos primordialmente, ao menos…
    Lembra do PT contra o Plano Real? aí já discordei, depois de ouvir baboseiras do Mercadante que não batiam com o mundo real, sem trocadilho.
    E da Lei de Responsabilidade que nossa Dilma flexibilizou para permitir que se gastasse mais do que se tinha em caixa….
    E os Calheiros, Sarney (era chamado de corrupto, coronel e palavras impublicáveis. Depois ficou tão diferente que não podia a lei para ele ser a mesma da patuléia.

    E agora tivemos uma campanha nojenta, do medo, do ódio, da divisão dos brasileiros entre nós e eles, e uma gestão medíocre. O poste realmente não iluminou só trouxe trevas arrogantes para a política e para a economia.
    Quatro anos de soberba, de erros, de pilhagem, roubalheira e incompetência. Um governo indesculpável, sem um único mérito, que deixou um palhaço amantagado, sem coluna vertebral fazendo um papel ridículo na Fazenda. Virando piada internacional e nos arrastando para o abismo escavado pela soberana.
    Com tudo dando errado, Lei de Murphy, de onde não se espera nada é que não vem nada mesmo ou ainda, se algo pode dar errado vai dar errado. Pode esperar vai acontecer mesmo. Vai dar errado – nem uma mero pedidos de desculpas. Nada, a mesma arrogância de quem tem certeza de que fez tudo certo. Como a piada do soldado que marcha com o passo errado numa multidão e a sua mãe (lá dele) assistindo o desfile reclama que todos os outros estão errados.

    Pois é deu tudo certo. Nada para um mea culpa, mas a coisa virou pelos ares, de ponta cabeça, com aumento de juros, da energia, do petróleo, corte de direitos trabalhistas e de pensões, fim dos subsídios para industriais amestrados e setores sem competência e nada de “eu estava errada”.

    Tudo que o marqueteiro queria virou discurso do OUTRO. Do inimigo, mas foi aplicado sem a mesma competência sem qualquer explicação.
    Goela abaixo.

    E quem reclama é de direita. Rico e tem os olhos azuis iguais aos nossos….
    Té mais. Tô com muita raiva desse povo.

  2. MUITO BOM, MEU AMIGO, PALMAS PRA ESTE TEXTO QUE REFLETE O QUE EU TAMBÉM PENSO.
    NO FACE AS PESSOAS SE AGRIDEM, UM XINGAMENTO HORRÍVEL, AMIGOS CONTRA AMIGOS POR CAUSA DE PT E PSDB.
    ENQUANTO A DISCUSSÃO GIRA EM TORNO DE OUTRA COISA: ESTAMOS CHEIOS DE TANTA CORRUPÇÃO E INJUSTIÇAS.
    COMO SEMPRE, MEU QUERIDO BROW, BRILHANTE.

  3. Pingback: big brown: ‘for real | falandonalata1

  4. Excelente análise, reflexão e avaliação! Este texto deveria ser divulgado em todas as mídias! E desmascara os colegas sem honestidade intelectual q insistem em afirmar e publicar nos seus faces, de q só havia coxinhas nas ruas… Amei, Bomfa! Ninguém pode tirar a relevância histórica dessa manifestação nacional/ internacional. Abraço tropical! Angel.

  5. Bomfim,
    Aqui você resume tudo:

    ” o partido que foi criado para ser diferente dos outros partidos, e hoje luta para convencer que todos os partidos são iguais, praticam os mesmo malfeitos.”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s