Estado de greve em A TARDE: mobilização dos trabalhadores e paralisações diárias

Os trabalhadores do  A Tarde mantêm o estado de greve definido em assembleia realizada na semana passada. Promovem paralisações diárias de duas horas na redação e em setores administrativos, em protesto contra a decisão da diretoria do jornal que propôs reajuste zero na data-base dos funcionários.

A paralisação de duas horas desta terça-feira foi feita à tarde, com muitos trabalhadores vestindo a camisa da campanha “0% NÃO! CHEGA DE ARROCHO!”, lançada pelo Sinjorba, Sasdejorba e Sindgráficos.

As edições do jornal ainda não atrasaram, mas com as paralisações diárias a probabilidade é que isto ocorra nos próximos dias.

3 pensamentos sobre “Estado de greve em A TARDE: mobilização dos trabalhadores e paralisações diárias

  1. Por mais investimentos que pretende qualquer empresário fazer; nunca pode esquecer do elemento humano, Os Simões atuais, bem diferente do saudoso Ernesto Simões,fundador de A TARDE,enxergam seus colaboradores e funcionários como meros escravos, esquecendo o quanto dependen destes . Após perderem a liderança (Jornal) no mercado local para o CORREIO,a rádio A Tarde no ibope só registrar traços, o Portal na internet, ser invadido e perder toda credibilidade, a web TV ser pouco acessada.Um grupo PORTUGUES que teria interesse em comprar, não mais tocou no assunto, só restou aos Simões o desespero, e descontar toda ira nos funcionários. Mais acredito que a RECORD ainda tenha interesse na compra do grupo,pois no passado, foram vários os contatos.

  2. Fica evidente a crise financeira que os Simões tentam esconder. Neste momento manter as aparencias só irá complicar e desprestigiar ainda mais esta conceituada empresa familiar, abarrotada de dividas, consequencia de uma má gestão, em quase todos os setores.
    Anunciaram diversos investimentos, mais esqueceram proposital ou intencionalmente do ser humano que é necessário para tocar qualquer projeto, o resultado está aí, e será dificil reerguer a empresa, o Velho Simões deve estar se revirando lá no ceu.
    Enquanto houver brigas, desentendimento entre os primos Simões, a empresa/grupom a tarde continuará descendo ladeira a baixo.

  3. Pingback: big brown « falandonalata1

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s